Adustina-BA: prefeito Paulo Sérgio irá se filiar ao PSD


Durante visita à Brasília/DF, esta semana na XXII Marcha dos Prefeitos em Defesa dos Municípios, o prefeito Paulo Sérgio(PSL), esteve em audiência com líder político, Senador Dr. Otto Alencar(PSD/BA). Durante encontro surgiu o convite para migrar à base do PSD, que na oportunidade será oficializado em um ato político dia 31 de Maio às 09h em Adustina em local a ser definido pela organização do evento. O ato de filiação irá contar com a presença do Senador da República Otto Alencar; do Deputado Federal José Nunes e demais autoridades. Um grande número de prefeitos, ex-prefeitos e vereadores são esperados no evento em que marca uma grande aliança entre o senador Otto Alencar e Paulo Sérgio. Na oportunidade, gestor reivindicou melhorias para o município. O nosso Senador se mostrou muito otimista, e colocou seu gabinete a disposição, disse Paulo.

"Aceitei com muita alegria e trabalharemos com muito afinco para dar ao partido o tamanho que ele merece na nossa Adustina! Estou muito entusiasmado de poder ingressar em um partido que é liderado em nosso Estado por um homem em que sua trajetória, caráter e retidão falam por si só. Otto tem mais de 35 anos de vida pública, uma capacidade extraordinária sem nenhuma mancha ou envolvimento em qualquer ato ilícito. Essa é a parceria que Adustina precisa. Obrigado pela confiança, Otto!", disse o prefeito. 

Da redação, Portal Carlino Souza.

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.