Corinthians vence o São Paulo e se reabilita no Paulistão 2019

Com gols de Manoel e Gustavo, o Corinthians venceu mais um clássico na temporada. Precisando se reabilitar dos resultados recentes, o time de Fábio Carille aproveitou as chances criadas e ganhou do São Paulo por 2 a 1 na Arena Corinthians, pela 7ª rodada do Paulistão. Pablo ainda marcou para o rival, mas não conseguiu evitar mais uma derrota em Itaquera, aumentando o tabu para 10 jogos, com sete vitórias alvinegras e três empates.
Vindo de derrota para o Novorizontino e empate com o Racing na Sul-Americana, o Corinthians precisava do resultado em casa. A vitória levou o clube para a liderança do Grupo C, com 10 pontos, ultrapassando Ferroviária e Bragantino, com nove cada. Já o São Paulo segue com nove pontos, na vice-liderança do Grupo D, atrás do Ituano, que tem 10. O time ainda pode ser ultrapassado pelo Oeste, que também tem nove e joga na segunda-feira.
O jogo demorou para engrenar na Arena Corinthians. O time da casa recuou a marcação, dando espaço para o rival, mas pronto para puxar o contra-ataque. Já o São Paulo conseguiu controlar a posse de bola nos primeiros minutos, mas sem furar a forte marcação. A partida só foi esquentar na reta final do primeiro tempo, quando Clayson avançou pela direita, driblou a marcação e cruzou para Gustavo, mas o atacante não alcançou.
Adiantando a marcação, o Corinthians conseguiu tomar a bola ainda no campo de ataque e teve mais uma chance de marcar, novamente pela esquerda. Clayson foi até a linha de fundo e cruzou para trás. Pedrinho dominou, bateu firme e Tiago Volpi jogou pela linha de fundo. Na cobrança do escanteio, aos 42, Sornoza mandou na cabeça de Manoel, que testou com força no cantinho do goleiro e abriu o placar na Arena Corinthians.
Em jogo trucado, o empate do São Paulo saiu apenas aos 11 minutos do segundo tempo, também em escanteio. Em jogada pela esquerda, Carneiro avançou com liberdade e cruzou para Antony, mas Danilo Avelar apareceu antes para cortar. Na cobrança, Reinaldo mandou no primeiro pau e Pablo desviou de cabeça, matando toda a marcação do Corinthians. A bola na rede no comecinho da etapa final aumentou a emoção do clássico.
O São Paulo voltou a controlar a posse de bola, mas o Corinthians conseguiu encontrar o segundo gol num vacilo da marcação. Pablo errou o passe e a bola acabou com Fagner na direita. O lateral colocou Hudson para dançar e cruzou para a pequena área. A bola sobrou para Gustavo, que completou de canela para o fundo das redes, aos 27 minutos, decretando a vitória do time da casa.
No próximo domingo, às 17h, o São Paulo enfrenta o Red Bull Brasil no Morumbi, enquanto o Corinthians viaja pegar o Botafogo, em Ribeirão Preto, às 19h. Antes, o time do Parque São Jorge tem compromisso contra o Avenida-RS pela segunda fase da Copa do Brasil. O jogo está marcado para quarta-feira, às 21h30, na Arena Corinthians.

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.