Justiça determina busca e apreensão de “santinhos” com nomes de Lula na Bahia

A juíza Carmen Lúcia Santos Pinheiro, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), determinou hoje (27) a busca e apreensão, no prazo de 24 horas, de todo e qualquer material de campanha que tenha o nome do ex-presidente Lula como candidato ao Planalto. A denúncia foi feita pelo presidente nacional do Democratas e prefeito de Salvador, ACM Neto, resultando em uma ação movida no TRE pela coligação Para Mudar a Bahia, encabeçada pelo candidato do partido à sucessão estadual, José Ronaldo.

“Esperamos que todo esse material ilegal, que tem como objetivo ludibriar o eleitor para angariar mais votos, seja retirado das ruas o mais rápido possível. Isso é um crime eleitoral grave e que está acontecendo não só na Bahia, mas em vários outros estados da Federação. O PT de fato não aprendeu a fazer uma campanha limpa, mesmo diante de todos escândalos de corrupção que colocaram atrás das grades as principais lideranças do partido. Tudo para favorecer um candidato à Presidência que não tem representatividade”, disse ACM Neto.

Conforme a denúncia, lideranças do PT, do PSB, do PSD e do PCdoB da Bahia estão distribuindo pelo interior do estado “santinhos” de candidatos a deputado tendo, no verso, o nome do ex-presidente Lula, que é ficha suja e está inelegível, como postulante ao Planalto. Com o conhecimento das cúpulas partidárias, inclusive do governador Rui Costa (PT), visto que este tipo de material também é distribuído em eventos com a presença dele, o objetivo é ludibriar o eleitor para angariar votos.

Em Santa Catarina, a Justiça Eleitoral já determinou a apreensão desse tipo de propaganda irregular. Entre as provas do crime estão “santinhos” (materiais impressos que possuem na frente a foto e o número do candidato e no verso uma “cola” com a indicação de toda a chapa) distribuídos pelas campanhas de figuras proeminentes do PT Bahia, a exemplo do líder do governador Rui Costa na Assembleia Legislativa, Zé Neto, que disputa uma vaga na Câmara Federal no pleito deste ano. A atual senadora e candidata a deputada federal Lídice da Mata (PSB) também distribuí esse material, assim como inúmeros outros.

Há ainda um vídeo gravado no comitê de campanha do deputado estadual e candidato à reeleição Alex da Piatã (PSD), no município de Conceição do Coité, onde “santinhos” pedindo voto para o parlamentar são distribuídos tendo no verso o nome de Lula como candidato à Presidência. Conforme a ação no TRE, uma das gráficas de onde saiu parte dos “santinhos” já foi identificada: trata-se da Talismã Artes Gráfica, situada na Avenida Lomanto Júnior, no município de Serrinha.

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.