Goleiro Wallace, do Vitória, morre em acidente de carro

O goleiro Wallace, do Vitória, faleceu na tarde deste sábado (27) após o seu carro capotar na Rodovia dos Bandeirantes, no KM 140, na altura de Limeira, em São Paulo. Ele estava emprestado pelo Leão ao Guarani até o final deste ano.

Segundo informações preliminares, Wallace estava a caminho de Ribeirão Preto, onde visitaria familiares num dia de folga. Na última sexta-feira, ele ficou no banco de reservas no triunfo do Bugre por 3x0 sobre o Água Santa, pelo Paulistão.

De acordo com a concessionária que administra a rodovia, o acidente aconteceu por volta das 14h de São Paulo (13h de Salvador). O jogador seguia em direção ao interior do estado quando perdeu controle do veículo. O carro atravessou o canteiro da pista e foi parar no sentido capital. Não chovia no local na hora do acidente e nenhum outro veículo se envolveu no acidente.

Wallace Ribeiro Barato tinha 22 anos, era natural de Salvador e foi cria da base rubro-negra. Em dezembro de 2017, teve o seu contrato renovado até o final de 2020 e em seguida emprestado para a equipe de Campinas, onde ainda não havia entrado em campo. Era visto pelo Leão como atleta de muito potencial.

No rubro-negro, Wallace foi promovido na temporada 2015 aos profissionais e jogou duas vezes, ambas em 2016. Foi titular no triunfo sobre o Feirense, por 2x0, no Barradão, pelo Campeonato Baiano, e no empate em 0x0 com a Portuguesa no Canindé pela Copa do Brasil.

O técnico que lhe deu as primeiras oportunidades entre os titulares foi justamente Vagner Mancini, hoje de volta ao Leão. No início desse ano, Mancini indicou o empréstimo de Wallace ao Bugre para que ele desenvolvesse seu futebol.

Ainda na tarde deste sábado, o Vitória divulgou uma nota lamentando a tragédia. "Toda a comunidade rubro-negra está de luto. A história de um jovem foi interrompida de forma inesperada e deixará eternas lembranças. Wallace tornou-se jogador profissional nos braços do nosso Esporte Clube Vitória. À sua família, os nossos mais sinceros sentimentos de pesar, colocando nesse momento toda nossa estrutura para o que se fizer necessário para o alívio dessa grande dor", declarou o presidente Ricardo David na nota.

O Guarani também emitiu uma nota mostrando o seu pesar. "O Guarani Futebol Clube lamenta profundamente o ocorrido e coloca-se inteiramente à disposição dos familiares e amigos. Não existem palavras para expressar o que estamos sentindo. Deus haverá de trazer o conforto”, afirmou o presidente Palmeron Mendes Filho. 

Em homenagem ao goleiro, foi respeitado um minuto de silêncio antes do jogo Bahia x Fluminense de Feira pelo Baianão, neste sábado, em Pituaçu. A homenagem também foi prestada no clássico Corinthians x São Paulo, no Pacaembu, pelo Paulistão.

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.