Brasil empata com a Argentina em 2 a 2

A Seleção Brasileira Sub-20 enfrentou a Argentina em partida iniciada na noite desta quarta-feira (8), no Estádio Olímpico de Atahualpa, em Quito, e ficou no empate em 2 a 2. Richarlison e Felipe Vizeu marcaram os gols do time brasileiro na partida, válida pela quarta rodada do hexagonal final do Sul-Americano da categoria.
Com o resultado, o Brasil chegou a cinco pontos na tabela de classificação e segue na quarta colocação. A Seleção Brasileira volta a campo no próximo sábado (11), novamente no Estádio Olímpico de Atahualpa, para enfrentar a Colômbia. A partida está marcada para às 20h45 (de Brasília). Em caso de vitória, o time canarinho garante a vaga na Copa do Mundo Sub-20, que será disputada a partir do dia 20 de maio, na Coreia do Sul.
O jogo
Pensando em garantir logo a classificação para o Mundial da categoria, a Seleção Brasileira entrou em campo com tudo e foi buscar o primeiro gol logo aos nove minutos. Maycon fez lançamento longo para a área, Richarlison dominou no peito e tentou a finalização, que não saiu na forma ideal. Na segunda tentativa, mesmo caído, ele conseguiu superar o goleiro Cambeses e abriu o placar. A Argentina respondeu aos 24. Mansilla fez bonita jogada individual e cruzou na área, mas Maycon cortou para escanteio. Na cobrança, Molina desviou de cabeça para o meio da área e Mansilla escorou no segundo pau para deixar tudo igual no placar. Após o gol de empate, o jogo ficou bastante amarrado no meio-campo. Aos 42 minutos, o Brasil conseguiu chegar bem ao ataque novamente. Richarlison serviu Guilherme Arana, que bateu cruzado. O goleiro argentino fez grande defesa e, no rebote, a defesa conseguiu afastar. No minuto seguinte, a Alviceleste teve boa oportunidade. O autor do gol, Mansilla, recebeu na área e entrou de carrinho, mas a bola foi para fora.
Na etapa final, o Brasil começou melhor novamente. Aos dez minutos, Matheus Sávio buscou jogo com Arana, que invadiu a área e soltou uma bomba, mas mandou para fora. Oito minutos depois, Felipe Vizeu foi puxado por Belmonte na área e o árbitro marcou pênalti. O próprio Vizeu foi para a bola e bateu com categoria, deslocando o goleiro, para deixar o time canarinho na frente novamente. A Argentina não se entregou e, já aos 50 minutos, buscou o empate com gol de Martínez.
Brasil: Lucas Perri; Dodô, Lyanco, Léo Santos e Guilherme Arana; Maycon, Caio Henrique e Matheus Sávio (Allan); Richarlison (Giovanny), David Neres (Léo Jabá) e Felipe Vizeu.
Fonte: CBF

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.