Após sepultamento, corpo de menina é encontrado com sinais de abuso

Uma informação, no mínimo assustadora, chamou a atenção da Polícia Civil, em Sobral-CE. O caso se deu no distrito de Várzea da Cobra, em Forquilha, município localizado a cerca de 15 quilômetros de Sobral. Luanny Melo, 10 anos, afogou-se no balneário Piscina da Rasteira, sertão de Forquilha, no último domingo (15). O corpo foi velado no mesmo dia, e a adolescente foi enterrada na segunda-feira, dia (16); na manhã desta terça, quando os pais foram visitar o túmulo, eles encontraram o corpo exposto.

Violação

Ao visitar, na manhã desta terça-feira, 17, o cemitério onde a criança foi sepultada, familiares encontraram o caixão exposto e o corpo com sinais de violação, segundo a Polícia, que foi acionada, e uma equipe se dirigiu ao distrito para iniciar os primeiros trabalhos de investigação. A notícia assustou os moradores do pequena localidade.

Perícia

O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal, em Sobral, para exames periciais complementares. De acordo com delegado da Polícia Civil, Otávio Coutinho, “até agora, sabemos que o corpo aparenta sinais de violação sexual, mas necessitamos de provas, que apenas os exames periciais nos trarão. A partir daí, daremos continuidade à investigação”, disse.

Diário Zona Norte

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.