Vice-prefeita no Ceará, mãe de Wesley Safadão fica inelegível por oito anos


O prefeito de Aracoiaba (CE), Antôno Cláudio Pinheiro (PSDB), e a vice dele, Maria Valmira Silva de Oliveira (PR), tiveram seus mandatos cassados e foram considerados inelegíveis por oito anos por decisão do Tribunal Regional Eleitoral. Maria Valmira, conhecida por Dona Bill, é mãe do cantor Wesley Safadão. A sentença foi dada pela juíza Cynthia Nóbrega Pereira Franklin Thomaz, da 67ª zona eleitoral, cabendo ainda recurso junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Pinheiro e Dona Bill tentam a reeleição pela coligação "Aracoiaba Governo do Povo", que é composta por PSDB, PMDB, PSB, PSC e PR. Os dois foram denunciados por abuso de poder econômico e político.

A juíza Cynthia Thomaz considerou como ilegal a entrega de ambulâncias, em junho deste ano, anunciadas como doação pessoal de Dona Bill, mas que, segundo consta nas denúncias, foram compradas com recursos da prefeitura. A magistrada também interpretou como propaganda irregular a divulgação, no site oficial do município, da entrega dessas ambulâncias.

Em nota divulgada nas redes sociais de Pinheiro, os integrantes da coligação colocam-se como "vítimas de vários tipos de golpes baixos, rasteiras e mentiras" feitos por adversários. "Por último, eles entraram na justiça para impugnar nossas candidaturas pelo simples fato de termos conseguido doações de ambulâncias para nossos distritos, para atender os mais necessitados e carentes de nossa terra", diz a publicação.


Ainda não segue CARLINO SOUZA nas redes sociais? Corre lá!

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.