Thábata deixa a banda XCalypso; Alcoolismo e agressividade de Ximbinha teria causado rompimento

Quando tudo parecia resolvido, uma nova crise toma conta da banda XCalypso. Thábata Mendes, que entrou no lugar de Joelma como vocalista, deixou o grupo. O anúncio foi feito na madrugada deste sábado (30), por Maxsuel Praxedes, assessor da cantora.
“Sim, gente! É verdade, Thábata se desligou da XCalypso, é só o que posso falar… O resto não cabe a mim. Aguardem um comunicado oficial da equipe da banda. Peço que não acreditem em qualquer coisa publicada na mídia antes de um anúncio oficial feito por Thábata ou pela equipe da banda XCalypso”, escreveu o assessor, no Facebook. Mais cedo, ele havia postado uma foto dela com a legenda: “Que venha o novo”.
Briga
Em um áudio publicado na sexta-feira (29) no Youtube, uma mulher não identificada dá detalhes da saída de Thábata. “Foi questão contratual que eles não estavam cumprindo, ela já estava querendo sair e viu que a convivencia com ele não ia dar certo não, por que ele é uma pessoa bem complicada. Joelma não é tão doida assim não, ele bebe muito, bebe todos os dias e é agressivo”, diz a fonte.
“Lógico que não aconteceu nada com Thábata, mas ela ficou assustada. A gota d’água foi no show de Tibau (RN, no último dia 16), que teve um ‘pega’ no camarim dele com uma produtora de Thábata, que ele ficou bêbado por causa de uma besteira e quase deu na menina. Thábata ficou com medo e resolveu sair”, completa.
Ouça o áudio:
Procurada, a assessoria de Ximbinha e da XCalypso disse que vai se “manifestar oficialmente à tarde”.
Parceria curta
Thábata foi anunciada como nova vocalista da então Calypso no dia 31 de outubro do ano passado, após os escândalos que culminaram com a saída de Joelma. A primeira música de trabalho, “Saudade”, foi divulgada em novembro e o primeiro show com a nova formação aconteceu no último dia 3, em Ananindeua (PA).
(Com informações do iG Gente)
Acompanhe o Blog do Carlino Souza também pelo InstagramTwitter™ e pelo Facebook

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.