Carira-SE: adolescente anuncia o próprio suicídio em status do Whatsapp

Após o fim de um relacionamento, a adolescente Emilly Francine de Souza, de apenas 13 anos, cometeu suicídio por enforcamento por volta das 11 horas deste sábado (28). O fato ocorreu à Rua Silvino Braz da Silva, no centro da cidade de Carira.
“Depois que terminei com ele eu estou mais aliviada, mas depois que eu recebi uma notícia desabei” revelou a menina.
A tragédia estava sendo prevista por colegas de Emilly, a garota havia anunciado o próprio suicídio. “Cansei de viver essa vida monotoma, minha missão já acabou” anunciou a jovem em uma conversa no Whatsapp.
Na sexta-feira (27), a garota confessou que naquele dia ela não concretizou o suicídio porque recebeu visitas em casa, “mas de amanhã não passa”, completou.
CariraNa manhã deste sábado, a adolescente postou em seu status “guarde essa data 28/06/2014 desse dia não passará”, e quatro horas depois ela colocou uma corda no pescoço e amarrou no telhado e pulou para a morte. Quando a mãe chegou ainda tentou salvar a sua filha, mas ela já havia falecido.
Da redação Itnet, Aparecido Santana. 
Acompanhe o Blog do Carlino Souza também pelo Instagram, Twitter™ e pelo Facebook 

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.