Alexandre Pires e Gusttavo Lima discutem após mudanças de horários em show

Os cantores Alexandre Pires e Gusttavo Lima trocaram farpas nas redes sociais. O atrito teria começado após mudanças em um show que os dois fariam na noite do sábado (5) em São José, em Santa Catarina. Desapontado, Alexandre Pires foi ao Instagram expor a confusão. Segundo ele, as equipes de ambos haviam acordado que Alexandre se apresentaria às 22h, mas horas antes do show ele teria sido informado que cantaria apenas após Gusttavo Lima.
“Tenho quase 30 anos de carreira e nunca passei por uma situação tão desagradável, com tanto desrespeito. Ele quer tocar às 22h, então a gente vai fazer o que ele quer”, disse Alexandre Pires em um vídeo postado no Instagram. De acordo com ele, sua equipe montava a estrutura de palco quando recebeu uma ligação da produção de Gustavo Lima pedindo para suspender a montagem.
“Peço desculpas ao meu público e ao dele e um pouco de paciência. Nunca deixei de cumprir um compromisso. Então, deixo registrada minha tristeza com você, Gusttavo Lima, por essa postura, e sua equipe, por tamanha imposição ao ponto de dizer que tinha que ser assim e que se não fosse, não ia ser. Nunca passei por isso, mas não será dessa vez que deixarei meu público na mão”, concluiu.
Também no Instagram, o sertanejo respondeu que Alexandre não gostou do projeto e se disse decepcionado. “Você poderia ter me ligado, acionado a produção para tirar duvidas de horários e não ir pra rede social causar esse clima chato e desnecessário”, afirmou Gusttavo, que não perdeu a oportunidade de alfinetar Alexandre Pires: “Não adianta ter 30 anos de carreira e agir como se tivesse três meses”.

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.