Olá seja bem-vindo!

Olá! Seja bem-vindo(a) ao Portal Carlino Souza, A Maior fonte de informação do interior do Estado da Bahia.  Coronel João Sá-BA,

Jeremoabo-BA: Após amargar derrota nas urnas, ex-prefeito Antônio Chaves deixou R$ 10 milhões em dívidas para sucessor

Menos de 48 horas depois da posse, a equipe do prefeito eleito de Jeremoabo, Derí do paloma (Progressistas) , conseguiu diagnosticar um rombo de R$ R$ 10.487.946,00. (DEZ MILHÕES, QUATROCENTOS E OITENTA E SETE MIL, NOVECENTOS E QUARENTA E SEIS REAIS)em dívidas da gestão anterior.
O tamanho do desfalque talvez explique o fato de o ex-prefeito interino Chaves (PSD) ter abandonado a sede da prefeitura, assim que perdeu a eleição, em 3 de junho. 
Acompanhe: R$ 8.396,168,80, dívidas com o INSS, quase R$ 500 mil com dívida jurídica; 329.903,72 com  material de consumo, (limpeza, Alimentação, pneus, restaurantes, peças, e acessórios para  veículos; 158.305,53 (Embasa); R$ 39.795,00 seviço pessoa física; R$ 92.060,00 serviço do Consultoria; R$ 972.060,89 somam o déficit com pessoal. 
Para piorar, o debito da prefeitura junto ao INSS dos últimos gestores, com Chaves no meio, beira a casa dos R$ 40 milhões, segundo levantamento preliminar. Ou seja: a prefeitura acumulou débitos ao longo dos anos, parcelou a dívida cavalar, mas não vinha pagando. 
O novo governo estima que o aperto deve se estender até o final do ano, podendo avançar 2019, mas não prevê aumento de taxas e impostos. "O esforço vai durar pelo menos  durante esse  semestre de 2018 e talvez avance 2019. O que pode mudar, e essa é uma expectativa nossa, é as parceria públicos privadas, enfatiza uma fonte do governo.
Ainda vai dar muito pano para manga e o impacto sobre a comunidade, principalmente em relação ao rombo que Chaves deixou na prefeitura.
É muito pesado saber que o passageiro ds agonia, Antonio Chaves vai continuar exercendo a função de vereador, mesmo com tantos problemas deixado para Derí do Paloma. De uma coisa todos têm certeza, Chaves passará em breve a fazer parte da lista dos impugnados pelo TCE. 

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.