Foragido da Justiça de São Paulo é preso pela PRF em Ribeira do Pombal-BA

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu no final da tarde de segunda-feira (30), por volta das 17h40, um homem de 20 anos, com mandado de prisão em aberto pelo cometimento do crime de roubo, em operação de combate ao crime realizada no quilômetro 178 da BR 110, município de Ribeira do Pombal, localizado na região nordeste da Bahia.
O homem foi abordado pelos policias quando conduzia a sua motocicleta Honda/CG 150 pela rodovia federal. Durante consulta ao banco de dados, verificou-se que havia uma ordem judicial solicitando a prisão do condutor desde setembro de 2013, emitida pela Vara Criminal de Ibitinga, do Tribunal de Justiça de São Paulo. De acordo com o mandado, o acusado teria praticado roubo a mão armada a um estabelecimento comercial mediante ameaça à vítima.
Após ser detido pela PRF, o acusado foi levado para a Polícia Judiciária de Ribeira do Pombal, onde foram realizados os trâmites para que ele seja processado e julgado pelo crime.
Crédito: ASCOM PRF



Ainda não segue CARLINO SOUZA nas redes sociais? Corre lá!
Twitter.com/CarlinoSouza

Nenhum comentário

Regras do site

Não serão aceitos comentários que:

1. Excedam 500 caracteres com espaço;

2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;

Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
Exemplo: um comentário onde o autor diga que fulano é ladrão, corrupto, burro, salafrário e por ai vai. Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a propala ou divulga. Portanto, o titular deste blog poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por tudo que aqui for escrito.

3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

4. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no blog os comentários que respeitarem as regras acima expostas.