Bem Vindo ao Maior Portal de Notícias do interior do Estado da Bahia  Coronel João Sá-BAHIA,
Quatro homens explodiram o cash do Banco do Brasil do município de Campo do Brito, a 60 km de Aracaju, na madrugada desta quinta-feira (16). Foi através de uma ligação feita para o 190 que os policiais do município foram notificados sobre a ação criminosa.
Por volta das 2h de hoje, os criminosos chegaram ao município e, antes de se dirigirem para a agência bancária, cometeram outro ato de ousadia. Na tentativa de impedir a movimentação da polícia após a realização do crime, o quarteto furou os pneus da viatura da PM que estava parada em frente à delegacia da cidade. Logo depois seguiram para o banco.
Na agência, os quatro homens armados explodiram um cash e em seguida usaram um veículo prata para fugirem. Mesmo com a viatura com os pneus furados, os policiais foram atender a ocorrência e contaram com o apoio da polícia de Itabaiana.
Até o momento ainda não se tem informações sobre o paradeiro do quarteto. Para denúncias, a polícia disponibiliza o telefone 181 e a identidade do denunciante é preservada.

Jornal da Cidade / Foto: Internauta
01_2
Mais de uma tonelada de dinamite foi apreendida pela polícia no fim da tarde desta quarta-feira (15), na cidade de Valente, localizada a cerca de 240 quilômetros de Salvador. De acordo com informações da Polícia Civil (PC), esta foi a maior apreensão de explosivos de 2015 na Bahia.

Segundo informações da PC, uma denúncia anônima informou que uma troca de carga suspeita estava sendo realizada em um campo de futebol localizado no bairro de Petrolina. Ao checar a denúncia, policiais encontraram um caminhão com placa de Feira de Santana, carregada com uma carga de cal, ao lado de uma caminhonete e de um carro de passeio.
0014No local estavam quatro homens, que passavam a carga dos dois carros menores para o caminhão. Ao serem abordados, eles disseram que estavam arrumando a carga de cal, porque estava torta. Conforme a PC, os policiais fingiram estar convencidos de que se tratava apenas de uma arrumação de carga, e foram buscar reforços.

Quando retornaram, um dos homens já não estava mais no local, e então os policiais foram checar a carga. Após vistoria, os agentes descobriram os explisivos em várias caixas de 25 kg, totalizando cerca de 1,2 toneladas de dinamite.
Um dos homens no local, o motorista do caminhão, alegou que foi contratado para transportar uma carga de cal de Feira de Santana para a cidade de Nordestina, onde deixaria parte da mercadoria, depois passaria em Valente para pegar um complemento da carga, e então seguirua para o Pará. O motorista disse que não sabia que a carga era de explosivos, segundo informações da polícia.
A carga, os suspeitos e os veículos foram encaminhados para a delegacia de Serrinha, que fica a 65 quilômetros de Valente, que investigará o caso.
Com informações do G1/BA (Fotos: Leandro Alves/Portal Bahia News)
14270459
O tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, foi preso nesta quarta-feira (15) pela Polícia Federal em sua casa, em São Paulo. Secretário de Finanças do partido, o petista nega envolvimento no esquema de corrupção que atingiu a Petrobras nos últimos anos.

Vaccari vai ser deslocado pela polícia para a sede da PF em Curitiba, que conduz as investigações.
Investigação do MPF (Ministério Público Federal) e da PF (Polícia Federal) aponta que o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, desviava recursos para o partido desde 2004. Vaccari foi preso na manhã desta quarta-feira (15) em São Paulo em nova etapa da Operação Lava Jato.
“Já sabíamos que doações oficiais na verdade escondiam operações de lavagem de dinheiro. Nós verificamos que Vaccari tem uma trajetória desse tipo de operação desde 2004″, afirmou o procurador de Justiça Carlos Fernandes Santos Lima, em entrevista coletiva em Curitiba na manhã de hoje.
“Essa situação reiterada de veiculação a partido político em suas operações financeiras foi que nos levou a acreditar na necessidade de sua prisão”, explicou o delegado da PF Igor Romário de Paula.
Segundo o delegado, Vaccari foi preso por volta das 6h, quando saía de casa para caminhar. Ele está sendo levado de São Paulo para Curitiba, aonde deve chegar ainda na manhã de hoje. Ele será conduzido para a carceragem da PF. Ainda não há previsão de quando ele deve prestar depoimento, informou o delegado.
De acordo com o procurador de Justiça, foram descobertos depósitos de mais de R$ 300 mil ao longo de três anos em contas de Vaccari.
A nova etapa da operação Lava Jato também cumpriu mandado de condução coercitiva de Giselda Rose de Lima, mulher do tesoureiro. Segundo o delegado da PF, ela prestou depoimento em sua casa. “A informação que tenho é que não foi proveitoso para a investigação”, revelou o delegado.
A PF também cumpriu mandado de prisão temporária contra Marice Correia de Lima, cunhada de Vaccari, que não foi localizada até o momento. A polícia e o MP querem a prisão dela por “operar junto com Vaccari operações de doações partidárias ilegais e operações financeiras relativas à Petrobras”, explicou o delegado.
Vaccari na CPI
Na semana passada, Vaccari prestou depoimento à CPI da Petrobras, em uma sessão que ficou marcada pela por um tumulto após alguém soltar roedores. Na ocasião, o tesoureiro afirmou que conhece o doleiro Alberto Youssef, preso por envolvimento em um esquema de corrupção envolvendo a estatal, mas negou que tenha uma relação próxima com ele.

Vaccari também declarou que sua permanência na secretaria finanças depende do partido. “A decisão de estar na secretaria de finanças do PT não pertence a mim, mas ao diretório nacional do partido. Essa decisão será discutida e terá resultado.

Um tiroteio durante uma festa de aniversário na madrugada desta segunda-feira(13), por volta de 01:00h, resultou na morte de um homem, atingido com vários disparos de pistola, na comunidade Serra Torre, município de Pedro Alexandre. A vítima José Ilto Pereira Lima, 41 anos, faleceu no local sem nenhuma chance de defesa. Segundo informações, três homens ainda não identificados chegaram em uma motocicleta e efetuaram os disparos contra as vítimas, logo em seguida fugiram com destino ignorado.


Ao Blog do Carlino Souza, o delegado de polícia civil do município não revelou os autores dos disparos nem as circunstâncias o que motivou o crime. Segundo o delegado de polícia, as vítimas residiam em Santa Rosa do Ermírio, povoado de Poço Redondo-SE e ao chegarem no aniversario foram surpreendidas a bala. A investigação da tentativa de triplo homicídio correm sob sigilo, revelou o delegado de polícia Maurílio Barbosa.

As outras duas vítimas, Paulo Cesar Bezzera Torres e Rosivânio Pereira Lima, foram socorrido por populares e encaminhadas para o hospital de urgência em Paulo Afonso-BA. 

Da redação Blog do Carlino Souza /  Foto: Ilustrativa
001
Um padre morreu esmagado pelo trator que ele operava em uma fazenda, que fica na zona rural do município de Dário Meira, no Sul da Bahia, na manhã desta segunda-feira (13).

De acordo com informações publicadas pelo blog Giro em Ipiaú, a máquina caiu por cima do pároco conhecido como Padre Pedro, 65 anos, quando subia uma ladeira.
padre pedro
Segundo relato ao blog, de um trabalhador que testemunhou o acidente, o padre ficou preso debaixo do veículo e morreu minutos depois. O acidente aconteceu quando o padre puxava com o trator um poste de madeira. Populares ajudaram a retirar o corpo do local.

O Departamento de Polícia Técnica de Jequié foi acionado para fazer o levantamento cadavérico. A vítima além de ser capelão também era Coronel da Reserva do Exército Brasileiro e chegou a atuar em três missões de paz, em Moçambique, Angola e Haiti. Há alguns anos ele comprou a fazenda em Dário Meira e residia no local. O local do velório e sepultamento ainda é desconhecido. 
(Com informações e fotos do Giro em Ipiaú)
images-cms-image-000428568
A Justiça Federal decretou, nesta sexta-feira (10), o bloqueio de R$ 40 milhões dos ex-deputados Pedro Corrêa (PP-PE) e Luiz Argôlo (afastado do Solidariedade-BA), alvos 11ª fase da Operação Lava Jato.

Também foi ordenado o bloqueio de mais R$ 80 milhões de outros quatro investigados, sendo R$ 20 milhões da secretária de Argôlo, Elia Santos da Hora. O bloqueio financeiro atinge ainda três pessoas ligadas ao ex-deputado Pedro Corrêa.
Os dois ex-parlamentares e o ex-deputado André Vargas (sem partido) foram presos nesta sexta. As investigações desta etapa abrangem crimes que vão além da Petrobras e envolvem contratos de publicidade da Caixa Econômica Federal e do Ministério da Saúde.
PROCURADORIA AFIRMA QUE LUIZ ARGÔLO USOU A PRÓPRIA MÃE COMO LARANJA
De acordo com a procuradoria, o ex-deputado Luiz Argôlo usou a própria mãe como laranja para receber propina do doleiro Alberto Yousseff. Segundo a Polícia Federal, o ex-parlamentar baiano, também usou o pai para receber o dinheiro proveniente de esquemas de corrupção na Petrobras.
Os procuradores do Ministério Público Federal (MPF) concluíram que Argôlo chegou a usar o cargo de deputado para tentar conseguir um financiamento para que Youssef reformasse um hotel de sua propriedade, localizada em Porto Seguro.
Para o MPF, o ex-deputado “efetivamente vendeu seu mandato parlamentar” ao doleiro. Foram rastreados pelos menos R$ 2,68 milhões referentes a supostas propinas que foram embolsadas por ele entre 2011, quando teve início o seu mandato de deputado federal, e março de 2014, quando a Operação Lava Jato foi deflagrada.
Bahia Notícias

Na tarde deste Domingo (12), policiais militares de Tobias Barreto sob o comando do Capitão Alexsandro Ribeiro, prenderam uma dupla de acusados de terem participado do crime de latrocínio na última quinta-feira (09), no Bairro Santa Rita em Tobias Barreto, que vitimou o jovem Renato Nascimento de 21 anos de idade.

Um homem identificado como Lúcio José Dias, 45 anos, foi preso em uma residência localizado no povoado Cabeça da Serra, município de Paripiranga-BA, onde também foi localizado a motocicleta Bros do Jovem Renato Nascimento em posse do mesmo. Também na residência os policiais encontraram drogas e duas armas de fogo. Outras 5 pessoas que estava no local também foram presas sob suspeitas de tráfico de drogas.

Um dos autores do latrocínio identificado como Valteir Santos Souza, 19 anos, vulgo “Coquito”, foi preso no momento em que o mesmo tentava embarcar em um ônibus na cidade de Poço Verde com destino a cidade de Lagarto-SE, portando em uma sacola aproximadamente meio quilo de maconha. Na delegacia "Coquito" confessou ter participado do latrocínio.

Todos os acusados estão presos na Delegacia de Tobias Barreto, onde serão tomadas as medidas cabíveis.



Matéria: Eduardo Góis / Jornalismo Gata Amarrada
77133-3
Um crime bárbaro ocorreu na noite deste sábado (11) na cidade de Santa Bárbara, a cerca de 33 km de Feira de Santana. Dois homens invadiram, por volta das 21h, a carceragem da delegacia do município e executaram dois presos que havia no local.

No momento do duplo homicídio, apenas um funcionário da prefeitura fazia a guarda. Foram mortos Josevan de Jesus, 32 anos, e Elder de Almeida Souza, sendo o último o alvo dos bandidos.
O carcereiro Rubens da Silva Freitas contou que um dos bandidos bateu no portão da delegacia para pedir informações, enquanto o outro pulou o muro.
presos
“Eu estava aqui na delegacia quando um bateu no portão e perguntou onde era a companhia da PM. Eu expliquei que seria na praça, quando virei o outro já estava com a arma em minha cara e mandou eu abrir o portão. Quando eu abri ele se encapuzou, botou luva e entrou. Perguntou onde estava a chave. Eles me prenderam com os dois, e em seguida eu ouvi os tiros na outra cela. Foram uns 10”, relatou ao Acorda Cidade.

O delegado Mozart Cavalcante, coordenador da 15ª Coorpin (Coordenadoria de Polícia do Interior) de Serrinha, esteve no local do crime na manhã deste domingo.
77134-3
Segundo ele, até o momento a polícia não identificou os acusados. E confirmou que na hora da invasão não havia nenhum policial na delegacia e que somente o funcionário da prefeitura faz o papel de guardar os presos.

“Não fica nenhum policial. A questão da segurança é do governo do estado. Está se fazendo concurso público, o curso de formação já vai ser realizado agora, provavelmente no mês de abril, que era para ter iniciado desde o ano passado. Mas o governo está empenhado para fazer a reforma. Deve estar no projeto”, justificou o delegado.
Ainda conforme Cavalcante, Elder era o alvo dos bandidos e respondia por tráfico de drogas. A outra vítima estava presa por assalto. “A audácia deles foi muito grande, mas a Polícia Militar e Civil está aqui em parceria para elucidar esse crime bárbaro e essa ousadia de eles virem invadir aqui a cela”, afirmou.
As informações são do Acorda Cidade/Fotos: Ed Santos
droga apreendida, armas e explosivosUma operação conjunta das Polícias Militar de Petrolina e Civil de Juazeiro culminou com a prisão de cinco elementos e apreensão de drogas, armas de fogo e explosivos. A ação aconteceu na tarde desta sexta-feira (10), após levantamento do Núcleo de Inteligência do Sertão 4 (NIS-4) do 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM).
De acordo com o 5º BPM, a investigação foi iniciada após uma tentativa de homicídio, registrada na noite da última terça-feira (7), em Petrolina, que resultou na morte da vítima – Sebastião de Souza Filho, de 41 anos, que veio a falecer na manhã de quinta-feira (9), que apontava os detidos como possíveis autores do crime. Eles também eram suspeitos de integrar um grupo de extermínio e de praticar tráfico de drogas e assaltos na região.
As prisões dos cinco criminosos foram efetuadas na Rua Santa Clara, no bairro Piranga, em Juazeiro. Os policiais encontraram com com Leilson Macedo Alves, de 31 anos, 25 quilos de maconha, 12 bananas de dinamite, uma pistola calibre 9 milímetros, além de munições, carregadores, um revólver calibre 38, cocaína, uma balança de precisão  e uma identidade falsa em nome de Tácio André Campos, que possuía um mandado de prisão em seu desfavor.
Já com José Gomes da Silva, de 34, foi encontrado um revólver calibre 38. Ainda foram presos Adriano Costa Silva, de 25, Orlando Nunes da Silva, de 36, e Mauri Mário da Silva. Todos os acusados moram no município baiano. Eles foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Juazeiro. 
(foto/divulgação)
Edinelza Maria de Jesus, 49 anos, foi presa em flagrante por tentativa de homicídio contra sua vizinha, Vanuza de Matos Carvalho, 29 anos, na tarde desta quinta-feira (09), no centro da cidade de Coronel João Sá-BA.
Por volta das 15 horas, a Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência de agressão na Rua Senhor do Bonfim. De acordo com as informações a acusada, após uma discussão, deu diversas pauladas na cabeça da vítima.
Ela sofreu um corte, foi socorrida e levada para o Posto de Saúde da cidade, onde foi atendida. O ferimento levou 20 pontos.
A polícia encontrou no local o pedaço de madeira usado na tentativa de homicídio. A mulher foi presa e encaminhada para a Delegacia de Polícia civil do município. O motivo do desentendimento entre elas não foi revelado.
Chico Sabe Tudo
Imagem Ilustrativa

Dois vendedores de joias foram assaltados e baleados no final da tarde de quarta-feira (08), por volta das 16h00, na BR 110, próximo ao Povoado Rangel no município de Antas – BA.

Segundo informações de populares, quatro homens armados em duas motos teriam se aproximado do veículo, um Chevrolet Cobalt, e anunciado o assalto. Assustado, o jovem condutor Luciano da Silva, natural de Cícero Dantas – BA, tentou fugir, porém acabou sendo atingido na coluna e na barriga por dois tiros. O dono do veículo, Lourival Freire, natural de Cícero Dantas, de aproximadamente 50 anos de idade, que estava no banco do passageiro também foi alvejado com dois tiros, sendo um no pescoço e outro no rosto.

Mesmo atingido o motorista conseguiu chegar até o Povoado, no entanto, os assaltantes não se intimidaram com a presença dos moradores e perpetraram o crime, levando uma das maletas de jóias das vítimas. Os feridos foram encaminhados para o Hospital São Marcelo em Antas e logo em seguida transferidos para Ribeira do Pombal.

A polícia faz diligencias no local, mas até o fechamento da matéria não havia logrado êxito. O motorista que foi alvejado na coluna corre risco de ficar paraplégico.

Fonte: Jeremoabo Notícias
Um grupo de criminosos explodiu um dos cofres de uma agência do Banco do Brasil no município de Carira por volta das 2h da madrugada desta quinta-feira (9). Eles viraram as câmeras de segurança em direção a parede para que a ação não fosse filmada. Em seguida, atiraram na porta de vidro, entraram na agência e explodiram o cofre com dinamite.

Os criminosos conseguiram roubar o dinheiro e na fuga ainda atiraram contra uma viatura da Polícia Civil que estava desocupada e estacionada em uma rua próxima ao banco. Segundo informações do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (SSP), o grupo fugiu em uma caminhonete preta e em uma moto pela BR-235, sentido o estado da Bahia. O caso está sendo investigado pelo Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope). 

Do G1 Se.
A Polícia Federal (PF) cumpre a 11ª fase da operação da Lava Jato na manhã desta sexta-feira (10) em seis estados brasileiros e no Distrito Federal. De acordo com os policiais, serão cumpridos sete mandados de prisão, 16 de busca e apreensão, nove de condução coercitiva, quando a pessoa é levada para prestar depoimento.
Os seis estados envolvidos nesta fase são Paraná, Bahia, Ceará, Pernambuco, Rio de Janeiro e São Paulo. A ação foi batizada de 'Origem'.
 
Ao G1, a PF confirmou que um dos presos é o ex-deputado André Vargas. Ele foi preso em um condomínio residencial em Londrina, no norte do Paraná, onde mora com a família.
 
Também foram presos o deputado federal Luiz Argolo, o irmão de André Vargas, Leoon Vargas, Pedro Correia, que já cumpre prisão pelo mensalão, Ivan Mernon da Silva Torres,  Élia Santos da Hora, secretária de Argolo e Ricardo Hoffmann, que é diretor de uma agência de publicidade. Todos os presos serão trazidos para a superintendência da Polícia Federal, em Curitiba.
 
A Operação Lava Jato foi deflagrada pela PF em março e 2014 e investiga um esquema milionário de lavagem de dinheiro e evasão de divisas. A última fase da  operação foi deflagrada no dia 16 de março deste ano e cumpriu 18 mandados judiciais. No dia 27 de março, duas pessoas foram presas em São e no Rio de Janeiro. No entanto, a ação não configurou como uma nova etapa da operação.
 
Ainda de acordo com a PF, a 11ª fase se deu após investigações de diversos inquéritos policiais. Foram apurados fatos criminosos atribuídos a três grupos de ex-agentes políticos.
 
Os crimes investigados nesta fase, conforme a PF, são: organização criminosa, quadrilha ou bando, corrupção ativa, corrupção passiva, fraude em procedimento licitatório, lavagem de dinheiro, uso de documento falso e tráfico de influência.
A investigação desta fase também abrange, além de fatos ocorridos no âmbito da Petrobras, desvios de recursos ocorridos em outros órgãos públicos federais, segundo a PF.

BN